terça-feira, 16 de setembro de 2008

Pra mim

Eu quero uma história que seja como o vento frio batendo no rosto sob um sol pálido, que corra na velocidade de um cavalo, que tenha o tilintar do metal rasgando os caminhos.

Quero uma história de muito verde, azul e tons terrosos, que tenha o vermelho da seda e os sentimentos fortes dos que escolhem certo mesmo quando não há escolha, e dos que escolhem errado sabendo que é o pior a se fazer.

Quero torcer por alguém e quero que seus motivos sejam justos. Quero me empolgar com uma jornada e desejar de coração ser parte daquilo. Quero acender fogo, dormir ao ar livre e em cavernas, e sonhar com luz na escuridão.

Quero ver o herói triunfar e as vinganças se concretizarem.

Quero um épico só pra mim.

2 comments:

Déia disse...

me lembrou uma musica
"eu quero a sina de um artista de cinema, eu quero a ceeena onde eu possa brilhar..."

Leidóca disse...

também quero.